Skip to main content

Precisão de última geração

O corte de amostras de tecido fresco com a série Microsystems’ VT da Leica conserva a morfologia, atividade enzimática e viabilidade celular do tecido. O seu uso também minimiza a presença de artefatos da técnica, distorções por compressão, destruição celular e outros efeitos inerentes ao corte.

O congelamento quebra membranas celulares e há perda de citosol. Isso tudo pode ser evitado com uso do Vibratome, de modo que a coloração celular ou imunológica livres de proteínas de citosol sejam muito mais vívidas com as cortes Vibratome. Isto inclui proteínas naturais, HRP e outros marcadores.

Outras aplicações incluem cultura celular de órgãos diferentes, cortes para patch clamping, eletro-fisiologia, free floating sections e muitas outras aplicações na neurociência.

Vídeos online

Veja nossos vídeos online do Leica VT1200 S, nos quais fisiologistas mostram e explicam como trabalham com o Vibratome da Leica.